Naguib Mahfouz (1)

“Dois romances de duas cidades” – resenha sobre Miramar e O beco do Pilão, de Naguib Mahfouz

Ensaios/Críticas  

o-beco-do-pilao

Alexandria, jóia do Levante, é considerada volúvel, sinuosa, cosmopolita, lasciva. A cidade do Cairo, por sua vez, é séria, intelectual, internacional, árabe e islâmica (1). Essa oposição entre as cidades mais importantes do Egito se ajusta, até certo ponto, ao ambiente de dois romances de Naguib Mahfuz: “Miramar” e “O Beco do Pilão”.