Prêmio Multicultural 2001 (2)

Milton Hatoum, um estilo construído com rigor e sensibilidade, por Daniel Piza – O Estado de São Paulo, 26 de março de 2001

Notícias/Entrevistas, Sobre o autor  

 Com apenas dois romances publicados, “Relato de um certo Oriente” e ” Dois Irmãos”, o ficcionista que vive hoje em São Paulo está entre os grandes nomes da literatura nacional; recorrendo sempre ao encanto de sua terra natal, Manaus, Hatoum, indicado para o Prêmio Estadão, diferencia-se de outros escritores ativos por correr riscos, por andar na fronteira entre dois mundos, entre o culto e o coloquial, o simbólico eo real, o particular e o histórico. http://www.miltonhatoum.com.br/wp-content/uploads/2011/03/PrêmioMulticultural2001_Estado1.jpg

Biografia

Biografia  

milton

Milton Hatoum nasceu em 1952, em Manaus (Amazonas), onde passou a infância e uma parte da juventude. Em 1967 mudou-se para Brasília, onde estudou no Colégio de Aplicação da UnB. Morou durante a década de 1970 em São Paulo, onde se diplomou em arquitetura na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, trabalhou como jornalista cultural e foi professor universitário de História da Arquitetura. Em 1980 viajou como bolsista para a Espanha, onde morou em Madri e Barcelona. Depois passou três anos em Paris, onde estudou literatura comparada na Sorbonne (Paris III).  Autor de quatro romances premiados, sua obra foi traduzida em doze línguas e publicada em catorze países. Foi professor de literatura francesa da Universidade Federal do Amazonas (1984-1999) e professor visitante da Universidade da California (Berkeley/1996).  Foi também escritor residente na Yale University (New Haven/EUA), Stanford University e na Universidade da California (Berkeley). Bolsista da Fundação VITAE, da Maison des Ecrivains Etrangers (Saint Nazaire,França) e do International Writing Program (Iowa/EUA). Em 1989, seu primeiro romance Relato de um certo Oriente, publicado pela editora Companhia das Letras, ganhou o prêmio Jabuti de melhor romance. Em 2000 publicou o romance Dois irmãos (prêmio Jabuti – 3º lugar na categoria romance/ indicado para […]